29.9.09

“Não sei se é sonho, se realidade”

“Não sei se é sonho, se realidade” dizia Fernando Pessoa.
Sonhei um sonho. Sonhei que Tempo e Espaço quebravam e me deixavam ser seus Senhor.
Aqui estou eu, dono do Tempo e do Espaço.
Fiz do Espaço, Tempo e assim de Tempo e Tempo o mundo ficou feito.
Sem os limites do Espaço, fiz o nosso encontro possível. Não há mais viagem a não ser aquela mesmo que se faz no interior do meu Eu para o Teu.
Um Toque. Realmente não há Espaço. Um Beijo. Não há mesmo Espaço. Um…desvaneceste. Já não sou o Senhor do Tempo e do Espaço. Como feras indomáveis que são, traíram-me. Acordo. Já não estou no Mundo dos Sonhos.
Ó Tempo e Espaço, que crueldade fazeis ao existirem. Que Titans implacáveis sem piedade vós sois.

De novo à Realidade.

1 comentário: